IPMHI › Formação
bookflare
<p>Abordagem geral de noções básicas de primeiros socorros</p>
UFCD 6570 - Abordagem Geral de noções Básicas de Primeiros Socorros 


A formação certificada na área da saúde engloba UFCD de curta duração, têm como intuito a aquisição de conhecimentos teórico-práticos de base de uma profissão visando promover a integração no mercado de trabalho, nas áreas da saúde, farmácia, medicina dentária, terapias, fisioterapia, massagem, estética e Yoga. A formação contínua pretende promover aquisição de competências, conhecimentos e atualização científica, estando direcionada para profissionais de saúde, estudantes e público em geral com interesse nesta área. Esta oferta formativa inclui diferentes abordagens, tais como, anatomia, primeiros socorros, termalismo, higiene e segurança, psicologia da saúde e gestão do stress.


Objetivos
  • Descrever o que é o Sistema Integrado de Emergência Médica (SIEM) e quais os seus intervenientes.
  • Descrever como ativar o sistema de emergência médica utilizando o número europeu de socorro "112".
  • Identificar o conceito de cadeia de sobrevivência e identificar os seus elos.
  • Explicar a importância da cadeia de sobrevivência e qual o princípio subjacente a cada elo.
  • Reconhecer os riscos potenciais para o reanimador.
  • Identificar as medidas a adotar para garantir a segurança do reanimador e da vítima.
  • Identificar as medidas universais de proteção e reconhecer a sua importância.
  • Explicar o conceito de Suporte Básico de Vida (SBV) de acordo com o algoritmo vigente.
  • Explicar o conceito de avaliação inicial, via aérea, respiração e circulação.
  • Aplicar a sequência de procedimentos que permitam executar o SBV de acordo com o algoritmo vigente.


Destinatários

Ativos Empregados - com habilitações mínimas ao nível do 9ºano de escolaridade. 

Ativos Desempregados de curta duração (desempregados menos de 1 ano) - com habilitações mínimas ao nível do 12º ano de escolaridade. (Declaração de IEFP)  

Jovens com idade até aos 25 anos à procura do 1º emprego inscritos no IEFP há menos de 6 meses. (Declaração de IEFP).


Documentos Obrigatórios

Ativos Empregados:  

Documento de Identificação; Certificado de habilitações; Declaração da entidade patronal a comprovar a situação face ao emprego e com indicação do horário de trabalho ou declaração da segurança social ou recibo de vencimento relativo ao mês anterior ao mês de início da ação de formação; Comprovativo IBAN em nome do/a formando/a. Comprovativo de Morada (Recibos como luz, água, internet… Certidão da Junta de Freguesia. Pode também fazê-lo pelo site das Finanças e Seg. Social Direta)

Desempregados:   Documento de Identificação;  Certificado de habilitações; Declaração do IEFP (Instituto de emprego e formação profissional); Comprovativo IBAN em nome do/a formando/a. Comprovativo de Morada (Recibos como luz, água, internet… Certidão da Junta de Freguesia. Pode também fazê-lo pelo site das Finanças e Seg. Social Direta).


Benefícios 

Formação Gratuita; Subsídio de alimentação (4,77€ p/sessão) *; Certificado de Qualificações emitido pela plataforma SIGO; *Empregados apenas têm direito ao subsídio de alimentação se fizerem prova de que a formação decorre fora do seu período normal de trabalho, o que impõe a apresentação de declaração da respetiva entidade patronal atestando o seu horário normal de trabalho. Não esteja a fazer outra formação financiada nesse(s) dia(s).



Formação financiada por: